Imagem ilustrativa / ReproduçãoImagem ilustrativa / ReproduçãoUm homem de 38 anos, suspeito de ter atirado contra um indígena em Querência no mês de agosto foi preso pela Polícia Judiciária Civil na manhã desta sexta-feira (23/10), em Cocalinho.

A prisão aconteceu após uma ação conjunta das Polícias Civil de Cocalinho e Querência.

Além do mandado de prisão pela tentativa de homicídio em Querência, o suspeito também tinha contra ele outro mandado de prisão em aberto pelo crime de homicídio, expedido por uma comarca do Estado de Goiás.

O suspeito será encaminhado à Penitenciária Regional Major Zuzi, em Água Boa, onde permanecerá à disposição da justiça.

O caso

Na noite de 31 de agosto, uma segunda-feira, um indígena, de 48 anos, foi alvejado por diversos disparos de arma de fogo, em um quarto de hotel, no Setor F da cidade.

Segundo relatos da própria vítima e de testemunhas à Polícia Militar, um homem chegou ao local armado, aparentemente de um revólver calibre .22, invadiu o quarto e deflagrou diversos disparos. Os tiros acertaram o joelho esquerdo, a coxa direita e o abdômen do indígena, na altura da cintura.

Após efetuar os disparos, o suspeito fugiu do local em uma bicicleta. Testemunhas relataram ainda que outra pessoa dava apoio do lado de fora do hotel, e que esta pessoa fugiu em um veículo.

A polícia segue agora em busca do segundo envolvido no crime.